terça-feira, 1 de abril de 2008

DO OUTRO LADO DA SUA CASA.

*iMAGENS: NAN GOLDIN...
Para ser lido ouvindo a louca da Amy Whinehouse...

Cartas Jogadas ao Mar: escrevendo para a Maria de Lourdes (a muher mais espevitada que conheci).
(...)
Boy, interrupted: "queria lhe pedir desculpas por qq coisa...e agradecer infinitamente pelo pão de mel cedido...um pão que o diabo não amassou e que vc não tinha nem pra vc...pois foi cedido, ganhado po ti (que não ganha quase nada da vida e mesmo assim...cedeu, para uma alma mais desafortunada que a sua: eu!)..."

Maria de Lourdes: Lindo isso que tu escreveste do pão de mel... muito lindo. é a mais pura verdade...
Boy, interrupted: "espero que alguém tenha lhe perdoado e que tis atinjas a salvação...comi no caminho (dentro do bus)...me senti tão macabéa...(lembra daquela cena que ela vai na casa da Glória? (pra mim tis és a glória: a mais abusada e uma bonita personagem tb...todos os personagens deste livro são bonitos, tristes, lindos...até o olimpio, a cartomante)...e lá é oferecido pra ela...um bolo (inteiro)...e um copo de chocolate quente com bastante chocolate...ela até passa mal... engole tudinho)...lembra? pois é, o pão de mel...tinha tanto chocolate ...que me fez até bem...comi tudinho na viagem...e chegando em casa lambi o saquinho (que é para não desperdiçar nadinha sabe)...vou aprender a ser honesto comigo próprio e admitir que lambi o saquinho...definitivamente não sou chique."

Maria de Lourdes: lindo tbem este seu texto em que se compara com a queridissima maca, aquela que não teve o botão da vida acendido. tbem concordo que eu sou glória na vida. é melhor eu tomar vergonha e ir ser glória na vida. desejo a salvação plena a ti também.

Boy, interrupted: "espero que tis sejas convidado para "n" festas e que vc aproveite tudo e de uma de naza e coma tudo ...abuse mesmo lu...
um bom final de semana....eu se fosse vc...fazia igual a glória...passava agua oxigenada no buço e nos pelos dos braços e das pernas...até a bunduda da sua "amiga" vai ficar com inveja..."

Maria de Lourdes: acho que eu não gosto muito da bunduda pois ela é ordinária e não admite. ou será que aquele sex appeal é pura capa de cordeirinho recatado? enfim, pensei muito em nossa conversa. a linda conversa da moeda e seus dois lados. Eu sentirei sua falta. é estranho vc acreditar, eu sei. fui muitas vezes ordinário contigo. muitas vezes. sou um turbilhão de emotividade que briga dentro de mim. talvez meu maior desafio na vida seja saber lidar com minhas emoções, meus sentimentos... enfim. não sei se entende... só digo que dentro de mim há aquilo que eu não nomeei e que sinto por ti.Je t'aimeum beijo grosso de seu amiga mais ordinária.
um beijo dedicado ao amigo mais lindo, sincero, leal, fiel e triste que eu tenho.

fim
ps> Dizem que a vida continua...mas talvez do outro lado da sua casa...

Um comentário:

Um dia tudo isso acaba. disse...

é lindo e vasto como um fenômeno da natureza que desabrocha seu esplendor e quase ninguém vê. me senti uma testemunha ocular sozinha. como se, no exato momento de seu desabrochar, todos estivessem vendo t.v enquanto as cores se derramavam no céu... no ar... na terra... no mar... ou até mesmo "do outro lado de suas casa"...
beeeijo enorme